19 de junho de 2006

Avenida dos Aliados


Eu ando pelo mundo prestando atenção
em cores que eu nem sei o nome
cores de Almodóvar
cores de Frida Khalo, cores
passeio pelo escuro

eu vejo tudo enquadrado
remoto controle.


Esquadros, Adriana Calcanhotto.

Porto. O filme da cidade começa a ser difícil de montar. Falta de figurantes. Principalmente nas cenas nocturnas.
E nos frames da Avenida dos Aliados, muito cinzento. Por outras palavras, Manuel António Pina descreve hoje no Jornal de Notícias a actual Aliados, saída das obras, como «uma Tiananmen monocórdica e “sizenta”.
Velhos postais da Avenida são agora imagens transcendentes. Os bancos de um vermelho que eu nem sei o nome, antes de serem uma recordação, já lá estavam etéreos. Ninguém desconfiava.

5 comentários:

Aliados disse...

...

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Very pretty design! Keep up the good work. Thanks.
»

Anónimo disse...

I really enjoyed looking at your site, I found it very helpful indeed, keep up the good work.
»